Total de visualizações de página

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Céu lilás

Para vocês brindarem 2014 com a letra linda da musica de Arnaldo Niskier Céu lilás : " volto pelo meu caminho e logo me deparo, olhando, com carinho, fenômeno bem raro: lá no céu com neblina envolta, mas tão bela, a Lua peregrina acena para ela. É fraca sua luz, mas possui força tal, que ao espaço conduz misterioso sinal. de onde terá vindo, com tanta singeleza, esse LILÁS tão lindo, único com certeza. Se aprecio o lilás, luz, centelha de AMOR, devo deixar para trás o que for outra cor. Se é de lá ou dali, que importa de onde vem, vale este céu que eu vi, tendo ao meu lado o meu bem."
Curtir ·  ·  · há 2 minutos próximo a Rio de Janeiro ·

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Encontro desencontrado

Acabei de assistir no Encontro com Fátima Bernardes um casal afirmando que a mulher casou sem saber. Ele levou-a ao cartorio, fez ela assinar uns papaeis e ai..... casaram.
VERDADEIRO ABSURDO veiculado, assustando aos desinformados. Mais uma vez está determinado na Lei - Codigo Civil - CASAR É MANISFESTAR A VONTADE PERANTE O REPRESENTANTE DA LEI ( Juiz de Paz) que só poderá declarar o casal casado tendo certeza da vontade de ambos.
 Portanto o casamento, legalmente reconhecido, oficiado pelo Juiz de Paz é concretizado verbalmente, os nubentes que perguntados VERBALMENTE pelo juiz de Paz, se querem casar e afirmando COM CONVICÇÃO, que SIM, o juiz de Paz tem obrigação de proferir VERBALMENTE a declaração que IMEDIATAMENTE os tornará CASADOS em nome da Lei.
Por favor divulguem aos quatro ventos.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

CHUIVA DE ARROZ PARA ASSISTIR ( meu email atual lilah.wildhagen@gmail.com)


11/11/2013 às 20:08

Veja os casamentos de Mariana e Francisco e Camila e Fernando

inspire-se nos romances que começaram sobre duas rodas

Camila e Fernando e Mariana e Francisco têm algo em comum: os dois casais se apaixonaram com uma forcinha de suas bicicletas, que os uniram em treinos e campeonatos e até nos pedidos de casamento que os levaram ao altar. Camila e Fernando fizeram uma linda cerimônia religiosa e festa em um sítio em Itaipava, no Rio de Janeiro. Já Mariana e Francisco ousaram num cortejo de bike até o altar de uma juíza de paz e finalizaram a comemoração com um belo piquenique no parque. Confira os detalhes e se apaixone pelas ideias:

Veja vídeo: Amores a três - eles, elas e as bikes
Saiba mais sobre os casamentos de Camila e Fernando e Mariana e Francisco

sábado, 9 de novembro de 2013

Chuva de Arroz.


Chuva De Arroz (Casamento) - Ep Pedalando Até O Altar

Mariana e Francisco se casaram pedalando pelas ruas de São Paulo. A festa também foi original: um piquenique no Parque do Ibirapuera. Fernando decidiu fazer uma surpresa para Camila e a pediu em casamento em uma competição de ciclismo em Nova York. Veja: Eles se apaixonaram um pelo outro e ambos pela bicicleta

Casamento Mariana e Francisco - São Paulo - SP

Cerimônia

Local: Parque do Ibirapuera - São Paulo (SP)
Celebrante: Juíza de Paz Lilah Wildhagen 
Vestido da noiva: Fafi Vasconcellos 
Grinalda: Tula Casqueteria 
Maquiagem e penteado: Magnolia Noivas

Festa
Bolos e doces: Soul Sweet 
Bebidas: Liv Import 
Cerimonial e decoração: Shirley Yáñez 
Apoio: Glau Miranda 
Móveis e objetos de decoração: Ella Arts 
Fotografia: Frankie e Marília
Água Benta Fotografia - Artur Curval & Mira Cervino

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Noite de Sucesso

Para quem ainda não sabe as nossas noivinhas recebem de presente, a cerimonia escrita e com a arte personalizada feita por nosso editor de artes.
Ontem, no Copacabana Palace, Helena e eu ficamos muito felizes, com o sucesso do lançamento do livro do Marcelo Hicho. Revimos amigos, ex noivinhas muito queridas e vimos o sucesso do Romildo Gomes, o nosso editor de artes que foi o editor de artes do livro do Marcelo.
Mais e mais sucesso para todos nós.
Tenham um dia lindamente lilás.

Enviado via iPadhttps://www.facebook.com/photo.php?fbid=604249512966050&set=a.173253489398990.45715.100001430204123&type=1&relevant_count=1

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Recado para as noivinhas.

Em 2014 já temos quase todos os sábados comprometidos, Helena e eu ficamos muito tristes de termos que dizer não, por isso se quiserem me honrar por favor nos procurem logo.
Ontem constatei que tinham in box 4 recadinhos de noivas no FB, peço que não façam contato pelo Face.
Enviem email para mim, ou para minha irmã e assessora Helena - helenarguelhes@ig.com.br.
Bj tenham uma tarde lilás - a cor do recomeço.

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Sangue mais ou menos bom

http://www.oreporter.com/Lilah-Wildhagen,Ajuda-Legal---Sangue-mais-ou-menos-Bom,10926198980.htm

O que me faz feliz na TV.

Ontem celebrei em São Paulo, fomos e voltamos , Helena e eu. Saímos do RJ as 7 da manhã, por isso acordamos as 4 e 30 da madrugada. Mas foi tão tão tão maravilhoso!
A celebração filmada para o Chuva de Arroz, cerimonial e decoração da Shirley Yanez, o local do convescote e da clebração Parque Ibirapuera. Evento perfeito. Noivos completamente queridos,cerimonialista e decoradora do coração e equipe do Chuva de Arroz Uauuu doce surpresa.
Muito obrigada a todos Shirley, minha irmã Helena, noivinhos Mari e Francisco, fotógrafos, produção e toda equipe do programa, e a FAMILIA dos noivos.
Em breve aviso o dia da veiculação na GNT.
BEIJO tenham um dia LILÁS.

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

O que me faz feliz

  • tb gostou do texto da cerimônia do casorinho, né?! tava tão fofo e inspirado que muita gente achou que fui eu que escrevi. ;p pois bem, não foi. hehe o texto é da própria juíza de paz Lilah Wildhagen. ela é incrível mesmo. 


    Esta vendo o que me faz feliz?
    Muito obrigada querida, querida, querida Julia.

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Noivos estrangeiros

É  Meu dever esclarecer :

- Sendo o Juiz de Paz o representante da Lei, só casando com cerimonia oficializada por ele os noivinhos sairão do local, seja no cartório ou na casa de festas ,com a certidão de casamento em mão;
- sendo o Juiz de Paz o representante da Lei, os noivos NÃO PRECISARÃO voltar ao cartório para ratificação;
- sendo o Juiz de Paz o representante da Lei, a oficialização do casamento, é a manifestação verbal da vontade dos noivos e após as respostas as perguntas :" ....você aceita? ....é de sua livre ESPONTANEA vontade?" Se o Juiz de Paz tiver certeza da vontade de ambos tera que proferir" de acordo com a vontade que ambos acabais de afirmar, perante mim, de vôs receberdes por marido e mulher, eu LEESW, em nome da Lei, vôs declaro CASADOS." ASSIM QUE O JUIZ DE PAZ TERMINAR A FRASE OS NOIVOS ESTARÃO  LEGALMENTE CASADOS.
PORTANTO OS NOIVOS ESTRANGEIROS TEM QUE ENTENDER O QUE O JUIZ DE PAZ FALA.
No entanto se a cerimonia for celebrada por celebrante religioso, só estarão legalmente casados se confirmarem no Cartorio de RCPN aonde tramitou processo de habilitação.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Juiz de Paz o representante da Lei

Tenho sido procurada por noivinhas agoniadas porque assistiram cerimonia de juiz de Paz que durou 3 minutos. Devo esclaracer que o Juiz de Paz não tem obrigação de ser celebrante. A nossa obrigação é examinar o processo de habilitação, no grande dia ter certeza da vontade dos nubentes e declara-los casados em nome da Lei.
Alguns de nós, incluindo a juiza de Paz que vos escreve optamos por fazer também a celebração, mas apenas por considerarmos  que aquele é o dia mais importante da vida do casal, para o qual se prepararam muito. O dia muito esperado, para alguns de nós não merece uma cerimonia de 3 minutos. Então saibam que a celebração, é um plus e puro gesto de carinho.
Tenham um dia lilás, beijocas e sorrisos.

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

O Brasil é um pais LAICO

Contunuo sendo procurada por noivinhas que querem casar no religioso antes do civil e esbarram em exigência descabida da secretaria da Igreja, querem comprovação de que irão casar mesmo no civil.
Estamos num país laico - a exigência NÃO PROCEDE.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

MAIS UMA VEZ CASAMENTO CIVIL NÃO É PRÉ REQUISITO PARA CASAMENTO RELIGIOSO

Transcrevo  aqui meu pleito e email que recebi do Padre Lídio José:
Padre Lidio A PAZ DE CRISTO

Sou Juiza de Paz, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, oficiarei dia
12 de novembro deste ano, o casamento de (nome dos noivos), na Casa de Santa Teresa as 18h.
Minha nubente, que é católica praticante, como eu, deseja que a cerimonia religiosa seja celebrada antes, em julho, na sua Paróquia.Acontece que ao marcar o casamento religioso, foi avisada de que teria que casar, antes, no civil. Padre, confesso que não entendi tal exigência, uma vez que o casamento civil é completamente indenpendente do religioso e vice - versa, inclusive é de meu conhecimento que o atual Arcebispo proibiu até as Bençãos aos casais, durante o ato civil, fora da Igreja.....

Diletissima Juíza de Paz
  Lilah Wildhagen
  Deus seja Luz para seu caminho, sempre

  Virifiquei junto a secretaria da basílica Imaculada Conceição o que ocorreu sobre o caso da caríssima ( nome da noiva). Não há problema algum. Não tenho os contatos dos nubentes. Seria possível a senhora informa- los para mim, entrarei pessoalmente entrando contato com eles para acompanha-los neste momento importante para o Reino de Deus.
Em Cristo
Rev.Pe.Lidio José
Basílica Imaculada Conceição
Bota

terça-feira, 2 de julho de 2013

Novidades

Tenho ficado frustada por não poder atender algumas noivinhas que me procuram, " em cima da hora", uma vez que já estamos agendado para 2015.
Na semana passada recebi telefonema de uma querida de São Paulo, com cerimonia marcada para 3/8/2013, não tenho mais nenhum sábado disponível este ano. Mais uma vez frustação.
Aí fiz a  proposta - que tal o casal responder ao meu questionário e eu compor a cerimonia para um amigo ler? E, eles toparam.
Toda feliz compus o texto, fui ao Cartorio, registrei ( como faço com todas as cerimonias) , enviei e fiquei aguardando ansiosa. Foram longas, infindáveis horas até eu receber o email abaixo:

Oiiii querida!!!!

Amamos o texto!!!!

Obrigada!!!

Beijao

Enviado via iPhone"

Viram  o que me faz feliz?
Tenham um dia intensamente lilás.

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Legalidade

Como o clima é de festa explicita da democracia, aproveito para lembrar:

A certidão de habilitação, garante a lei, é documento dos noivos;
As testemunhas no processo de habilitação, podem ser pais, mães, filhos, avós, etc, desde que sejam maiores e capazes;
Não tem fundamento legal a exigência de certidões atualizadas de nascimento ou de casamento, ou de óbito;
Só está divorciado quem averba na certidão de casamento o divórcio, seja através de senteça e carta de sentença ou através de escritura;
Só quem tem capacidade legal para oficiar casamentos é o juiz de Paz, se você optou pelo casamento religioso com efeito civil, terá, obrigatoriamente que ratificar no cartório de Regitro Civil de Pessoas Naturais;
NÃO PROCEDE a exigência de algumas Igrejas de só celebrar o casamento religioso mediante prova de realização de casamento civil. CASAMENTO CIVIL E CASAMENTO RELIGIOSO NÃO DEPENDEM UM DO OUTRO;
Quando o juiz de Paz pergunta - ..... Você aceita ..... Como sua legítima mulher? É de sua livre e expontânea vontade? É imprescindível que o nubente responda com seriedade convicção. Diz a lei, se o juiz de Paz tiver dúvida terá que imediatamente se retirar do recinto;
Quando o juiz de Paz termina a declaração, imediatamente depois, os noivos viram casados, portanto assinarão a folha do livro com o novo estado civl CASADOS, se optaram , assinarão, obrigatoriamente, com o novo sobrenome.

quarta-feira, 12 de junho de 2013

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Tradição não é sinônimo de religião

A cada dia  sei de mais noivinhas que optam por cerimonias distintas. Porque são realmente religiosas, resolvem casar na Igreja - a Lei de Deus, para  poucos participantes e no dia da festa casam com Juiz de Paz - a Lei dos Homens.
Por isso tem recorrido a mim para esclarecimentos, algumas secretárias de Igrejas exigem que apresentem o comprovante do casamento civil. TAL EXIGÊNCIA É TOTALMENTE ABSURDA o casamento religioso não tem nenhuma ligação com o casamento civil.
Percebo que a exigência é feita pelo pessoal das secretarias, pois os Padres ,pastorees ou Rabinos não são capazes de cometer ato de tamanha ignorância da lei e da religião.
Por isso aconselho as noivinhas que forem vítimas desse disparate, a procurarem  diretamente o líder religioso. Garanto que dispensarão a exigência descabida.

terça-feira, 23 de abril de 2013

"O tempo passa? Não passa no abismo do coração"

Hoje quando estava caminhando na esteira, refletia,sempre pedi ao meu filhão Victor e a minha irmã Helena, que me avisassem quando eu começasse a ficar rabugenta. O aviso é para que eu me manque e tente me controlar. Não quero ser a juíza de Paz prepotente, que chega no local se sentindo a estrela, que pare o discurso porque um casal lá no fundo sussurrou algo. Ou que não tenha mais a lucidez ao tratar com uma noiva em TPM( tensão pré matrimônio) .
Penso que se um dia eu não conseguir mais, tenho que parar. Ai fiquei locubrando qual seria a minha opção, poderia ser só radialista, poderia ser só colunista. Imaginei como seria só na rádio e só escrevendo para o jornal, e .... CARAMBA NÃO CONSIGO me imaginar sem ver o sorriso emocionado do noivo ao deparar com sua escolhida entrando, não consigo me imaginar sem ver os olhos da noiva brilhando ao encontrar o olhar do seu AMADO.
E ai o que farei ...

domingo, 21 de abril de 2013

Esclarecimentos

Minhas noivinhas. MUITO queirdas necessito esclarecer:

- O Juiz de Paz é o representante da Lei, portanto, só ele poderá declarar o  casal casado em nome da Lei, e imediatamente depois da declaração, antes das assinaturas, os casados recebem a CERTIDÃO DE CASAMENTO;
- por isso não há como desvincular as custas dos processo de habilitação do deslocamento do juiz de paz, todos estão subordinados ao Tribunal de Justiça;
- quem atua no processo de habiltação é o juiz de Paz, ele e o oficial do cartório, seja casamento civil, ou religioso dependente de ratificação em cartório.
Sendo assim, é muito importante se previnir com os gastos de legalização da união, que obviamente serão maiores se os noivos optarem pelo casamento religioso, porque depois, para ter o valor legal, terão que  ser ratificado no cartório.

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Cerimonia do Casamento de Giovanna e Bruno. Gagliasso

Em homenagem a casal tão querido que completou 3 anos de união dia 13 de março, um pedaço , obviamente, preservando a privacidade deles, pularei a narrativa das primeiras páginas do doce romance :
Meus nubentes para vocês conservarem esses corpos lindos e sarados de Carlos Drumond de Andrade:
Receita para não engordar sem necessidade de ingerir arroz integral e chá de jasmim:
Pratiquem o AMOR integral desde a aurora matinal, não percam um mínuto só neste regime SENSACIONAL.
Vocês são capazes?
Na qualidade de representante da Lei, tenho que garantir, antes de certificar. Para tanto contarei também com Tunai, Marisa Monte, Roberto Carlos, Tribalhistas, Guerreiros de Jorge, Lulu Santos e Edith Piaf. Para que haja o pacto de olho e coração virem para o outro.
"Você surgiu na minha frente, luz cintilante, estrela em forma de gente"
Confirma Bruno a Gio é a invasora do Planeta Amor?
Você será por todo caminhar, um homem de família e fará sua.( apelido carinhoso dela) feliz dos pés até a ponta do nariz?
"No meio de tanta gente eu encontrei você, e eu que pensava que não ia me apaixonar...."
Procede Giovanna?  Para que perdure a luminosa coabitação ensinará ao (apelido dele) todos os caminhos do bem querer?
Bruno, a mulher que você ama tem um lindo sorriso, é tudo que precisa para sua alegria? Por isso, permanecerá todos os sábados com sua ( apelido dela) nunca segundas de mau humor, mesmo ( fato do cotidiano dos doía não posso citar)
"Eu gosto de ficar com você, meu riso é mais feliz contigo" É Gio? Distribuirá sorrisos desde o amanhecer até o fim do dia, com abraços e beijinhos e carinhos sem ter fim?...
" quando ele me toma em seus braços e me fala baixinho,vejo a vida cor de rosa. " Confere Gio?
Voce SERA , para sempre a.....do...... A ...... do..... a Madame Baldaconni Gagliasso, de dia uma menina, a noite uma mulherão.


sábado, 6 de abril de 2013

Felicidade

Gente desejo que voces sejam tao felizes como eu. Nao ha como descrever a satisfação de terminar uma cerimonia e receber abracao apertado dos noivos em agradecimento e ai quando saio atras do cortejo um casal me confessando que estão casados ha  mais de 30 anos e queriam que eu celebrasse o AMOR deles. Essas coisas lindas sucederam no sábado na Casa das Canoas, celebrei o AMOR da Talita e do Rodrigo. Saimos de la nas nuvens, minha irma Helena e eu. Na saida Helena entregou aos noivos nosso presente o texto da cerimonia com edicao de artes feita, simplesmente, pelo ex Editor de Artes da Revista Veja. Muito Precioso esse carinho da Helena para os noivinhos.Hoje na Maison Joa tive a honra de oficiar a união de Carolina e Marcelo.A Maison Joa do meu querido amigo Afonso, que assim como eu, ama o que faz. Ianugurei o novo espaço do local, com cheiro de verde a luz do luar. A cerimonia inspirada por meu rei Roberto Carlos com - A mulner que eu amo e Esse cara sou eu. Alias e a propósito mais uma vez aviso aos incautos que as minhas composições sao registradas em titulos e documentos, portanto voce que esta me copiando, CUIDADO. Estou perdendo a paciência.
Para as mais do que queridas noivinhas uma noite lilás - a cor do recomeço 

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Para sempre

Porque nos também ficamos no vazio depois do dia D. Helena, Romi e eu  achamos que teríamos que provar as novinhas que ela sao sim over especiais para nos. Entao a partir de agora todas alem de receberem, logo apos o SIM a certidao de casamento lilás - a cor do recomeço. Receberao também o texto da cerimonia lindamente editado pelo ex Editor de Artes da revista Veja - Romildo Gomes.
Prova de que vivemos pensando em voces nossas queridas que nos fazem muito felizes.

quarta-feira, 6 de março de 2013

Pensem em mim

Para as noivinhas que nao sabem, além de juiza de Paz, sou palestrante, radialista, escrevo para  O Repórter e para Noivas do Rio de Janeiro, amo muito as minhas atividades profissionais, mas obviamente trabalho muito, de domingo a domingo.
Algumas vezes tentei marcar reuniões com os casais para debater o QUESTIONARIO, peca fundamental para a celebração! mas nao consegui, as noivas alegam que nao podem pq tem prova de vestido, degustação, reunião com DJ, reunião com fotografo, etc. Entao percebo que mais uma vez estou sendo preterida, os privilegiados SAO os outros profissionais da festa.
ENTAO SOLICITO POR FAVOR PENSEM EM MIM, encontrem  tempo para me ver durante a semana - sextas, sábados e domingos SAO TAMBEM meus dias de trabalho e GRACAS A DEUS em alguns fds trabalho os tres dias nos dias inteiros.
Muito obrigada.
Bitocas mil tenham uma noite intensamente LILAS .

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

As palavras magicas

Desde a minha nomeação em 2005, venho lutando para derrubar a cultura da assinatura de papel.
Tenho passado por momentos muito curiosos nos meus papos com nubentes. Algumas depois d'eu afirmar que estarão casados logo apos a minha declaração me perguntam se assinarão a folha do livro com o novo sobrenome. PUXA VIDA ACABEI DE DIZER QUE LOGO APOS A DECLARCAO JÁ ESTARÃO CASADOS, OBVIAMENTE JÁ ASSINARÃO COM O SOBRENOME ADOTADO.Enfim entendo, porque durante muitas décadas a maioria casava na Igreja e realmente para quem casa no religioso, para a Justica  as assinaturas SAO muito importantes, uma vez que o casamento só tera validade legal depois de ratificado no cartorio.
Entao, para facilitar vamos encarar o  DE ACORDO COM A VONTADE QUE imemnsamAMBOS ACABAIS DE AFIRMAR, PERANTE MIM, DE VOS RECEBERDES POR MARIDO E MULHER, EU LEESW, EM NOME DA LEI VOS DECLARO CADADOS, como palavras magicas que assim que terminam de ser erbalizadas transformam os esposos em marido e mulher, transformam os solteiros em casados.
Minhas queridas, as que SAO a razão da minha felicidade profissional, desejo a VOCES um dia intensamente LILAS.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

A juiza de Paz nao pode ser a ultima a saber.

Agora que o Carnaval se foi tenho,recebido muitos telefonemas e emails  GRACAS a DEUS. Algumas noivinhas me deixam frustada me procurando hoje para cerimonias em setembro e outubro. Porque setembro e outubro, TAMBEM SAO os meses das noivas me restam poucos sábados vagos.
Por isso, para nosso bem, por favor nao deixem que a juiza de Paz seja a ultima a saber. Pensem em mim, liguem para mim.
Contatos meu email lilah.wildhagen@gmail.com/ numero do telefone 21 99124939;
Da minha irmã e fiel escudeira Helena helenarguelhes@ig.com.br/ numero do telefone 2196125902.
Bitocas mil, tenham um fds LILAS.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Para bom entendedor

Minhas cerimônias são personalizadas, para isso, criei questionário que é respondido pelos noivos.
Muitos respondem juntinhos curtindo cada pergunta e resposta, outros sem ter noção da importância dos questionamentos, respondem telegraficamente.
Noventa e oito por cento das vezes em que termino de celebrar recebo a pergunta - "Você é amiga dos noivos tem muito tempo?"
 Uma vez, na volta da lua de mel uma noivinha me ligou para falar abismada  que a mãe dela afirmou que eu era amiga da filha. Muito bom saber disso, mas tenho consciência que a reação é normal, porque os noivos me deram todas as informações.
ANDEI SABENDO QUE COLEGA DE TRABALHO ESTAVA USANDO MEU QUESTIONÁRIO, POR ISSO IMEDIATAMENTE PROVIDENCIEI O REGISTRO EM TÍTULOS E DOCUMENTOS.
Então para você que recebeu meu questionário e depois me defenestrou, FIQUE ATENTA, estou de olho, se usar na sua cerimonia, você e o celebrante, deixarei de ser da PAZ e providenciarei a devida ação judicial.
Para vocês minhas queridas, razão da minha felicidade profissional, um dia profundamente LILÁS.

domingo, 13 de janeiro de 2013

Aviso de amiga

As diferenças entre juiz de Paz e celebrante:


-Nos  juízes de Paz somos subordinados ao Conselho da Magistratura do Tribunal de Justiça ;
-os celebrantes ,sendo religiosos, estão  ligados a Igrejas ou templos, e TAMBEM podem ser independentes;
-Os juízes de Paz, Tem obrigação de obedecer as determinações do CM, portanto nao poderão cobrar sinal para garantir a oficialização do casamento;
-os celebrantes religiosos cumprem o determinado por seus superiores, por isso cada  religião tem suas regras. A Igreja Catololica Apostólica Romana, por exemplo, nao permite que os Padres saiam das Igrejas, sendo assim quem quiser seu casamento celebrado por Padre tera que casar na Igreja;
- Os celebrantes independentes nao tem obrigação de cumprir tabela;
-os juízes de Paz, tem fé publica e a obrigação legal de indagar duas vezes os nubentes -"VOCE aceita? - e de sua livre e ESPONTANEA vontade?". Tendo certeza da vontade de ambos fara a declaração e concedera aos noivos o estado civil de casados.Portanto os juízes de Paz nao tem obrigação de celebrar e sim de oficializar. Alguns fazem celebração e oficialização por carinho aos noivos;
- Assim que o juiz de Paz termina a cerimonia o casal estará legalmente casado, por isso recebem no ato a certidão de casamento;
- Para ter efeito legal a celebração tera que ser ratificada na circunscrição de registro civil de pessoas naturais na qual tramitou o processo de habilitação para o casamento..
PORTANTO FIQUEM ESPERTAS, JUIZ DE PAZ PODE  SER CLELBRANTE, MAS CLEBRANTE NAO PODE VIRAR JUIZ DE PAZ DURANTE A CERIMONIA.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

MINHA FIEL ESCUDEIRA

Novinhas amadas agora minha fiel escudeira é a minha irmã Helena telefones numeros 21 996125902 ou 999124939 emails helenarguelhes@ig.com.br e lilah.wildhagen@gmail.com
Por favor preste atenção no endereço eletronico helenarguelhes@ig.com.br     Helenarguelhes tem um A só.
PEDIMOS A TODAS AS NOIVINHAS AGENDADAS QUE ENTREM EM CONTATO COM HELENA.
Bitocas mil tenham uma semana lilás.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Para iniciar direito

Minhas queridas nubentes para iniciarmos o ano direito, ratico abaixo as informações antigas:

A CERTIDÃO DE HABILITAÇÃO, documento expedido no final do processo de habilitação para o casamento é dos noivos, portanto voces TEM DIREITO de levá-la ao juiz de Paz que escolheram para oficiar a união de vocês (lei FEDERAL 6015);

PARA CASAR É NECESSÁRIO SER solteiro, viúvo ou divorciado.Importante os separados que desejam casar  só estarão divorciados, depois da averbação do divórcio na circunscrição de RCPN (registro civil de pessoas naturais) onde casaram;

PARA OS DIVORCIADOS CASAREM SOB O REGIME DA COMUNHÃO PARCIAL DE BENS - O regime de bens que não necessita de escritura de pacto, é o da comunhão parcial de bens, aqueles no qual somente os bens adquiridos na constancia da união se comunicam - EXCETO os adquiridos através de doação e herança. Os noivos divorciados terão que comprovar, que houve a partilha dos bens da união anterior.Caso não consigam comprovar, terão que casar sob o regime da separação legal;

PRAZO PARA DAR ENTRADA NO PROCESSO DE HABILITAÇÃO - Antes de cuidar dos documentos para o processo de habilitação, você terá que decidir com o seu noivo, se o regime de bens será da comunhão parcial de bens ou não.Decidindo por outro regime a primeira providencia será ir até um cartório de notas e providenciar a escritura de pacto.
Para saber com que antecedência dará entrada na "papelada" voce precisa optar entre a circunscrição que corresponde ao seu endereço ou o do seu noivo.Decidida a RCPN, procure saber o tempo do trâmite do processo, alguns cartórios são mais demorados do que outros.
Lembre-se que a certidão de habilitação tem validade de 90 dias a contar do dia da expedição;

O JUIZ DE PAZ TEM FÉ PÚBLICA - O juiz de Paz é o representante da Lei, portanto a partir da declaração - "De acordo com a vontade que ambos acabais de afirmar perante mim, de vos reberdes por MARIDO E MULHER, eu LILAH ELISABETH DO ESPÍRITO SANTO WILDHAGEN,em nome da lei vos declaro CASADOS" vocês estarão legalemnte casados, sendo assim, assinarão a folha do livro com o novo estado civil CASADOS.Então para os que irão trocar o nome já assinarão com o sobrenome adotado.
MUITO IMPORTANTE - casar com juiz de Paz é manifestar a vontade, portanto NÃO BRINQUE DE MANEIRA NENHUMA quando a autoridade, o representante da Lei juiz de Paz lhes perguntar - ...... você aceita o ...... como seu legítimo marido? É de sua livre e espontânea vontade?
Do contrário a OBRIGAÇÃO LEGAL do juiz de Paz é sair imediatamente do recinto, e aí babau tantos planos e sonhos...

Quero muito que os noivnhos sonhadores realizem todos os seus sonhos e tenham certeza de que o dia "D" será o início da jornada FELIZES PARA SEMPRE.